Pernambuco convoca pareceristas para avaliar os projetos do Carnaval 2020.

Resultado de imagem para Parecerista

A Secretaria de Cultura do Estado de Pernambuco - SECULT, a Secretaria de Turismo e Lazer - SETUR, a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco - FUNDARPE e a Empresa de Turismo de Pernambuco - EMPETUR, no uso de suas atribuições legais e nos termos da Convocatória de Propostas para o Ciclo Carnavalesco 2019, tornam público para conhecimento dos interessados, que no período de 24 a 29 de janeiro de 2019 estarão abertas as inscrições para Seleção de Profissionais da Comissão de Avaliação das Propostas do Ciclo Carnavalesco 2019.

Constitui objeto da convocatória a realização de processo seletivo de profissionais nas áreas de Cultura Popular, Dança e Música, para prestação de serviços técnicos especializados, a fim de compor a Comissão de Avaliação das propostas inscritas na Convocatória do Ciclo Carnavalesco 2019.  

Poderá participar da Convocatória Pessoa Física maior de 18 anos, pernambucana ou portadora de título de cidadania pernambucana concedido pela Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco - ALEPE, ou estabelecida ou domiciliada em Pernambuco, há, pelo menos, um (01) ano, que comprove experiência profissional ou acadêmica no segmento para o qual se inscreveu, na análise de projetos culturais concorrentes em editais ou concursos ou ainda que tenha participado de comissão julgadora em festivais, prêmios ou mostras etc. 

Serão aceitas inscrições para a Comissão de Avaliação das Propostas nos segmentos de Cultura Popular, Dança e Música. 

As inscrições deverão ser realizadas no período de 24 a 29 de janeiro de 2019, no Mapa Cultural de Pernambuco através do link http://www.mapacultural.pe.gov.br/projeto/139/ , sendo aceitas até às 23h59 do dia 29 de janeiro de 2019, contendo obrigatoriamente os seguintes itens:  

a) Declaração de Participação (Anexo I), devidamente preenchida, datada e assinada; 

b) Histórico profissional resumido; 

c) Comprovações curriculares devidamente datadas; 

d) Para pernambucano (a) nato (a): cópia do RG ou de outro documento oficial que confirme sua naturalidade (cidade de nascimento);

 e) Para natural de outro estado da federação ou estrangeiro: comprovação de residência em Pernambuco, há, pelo menos, um (01) ano (um comprovante atual e outro de antes de janeiro de 2018, desde que endereçado ao profissional, tais como correspondências expedidas por órgãos oficiais das esferas municipal, estadual ou federal, de entidades bancárias públicas ou privadas, administradoras de cartão de crédito ou prestadoras de serviços públicos); ou título de cidadania estadual concedido pela Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco (ALEPE).

Texto: Secult-PE
Fonte: Secult-PE

Leia também: