DOIS CASOS DE COVID-19, É INVESTIGADO PELA SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE EM GOIANA-PE.



 Resultado de imagem para covid-19

BOLETIM COVID-19 - SES-PE


Terça, 17.03.2020



A Secretaria Estadual de Saúde confirmou no boletim divulgado, nesta terça-feira (17.03), mais um caso do novo coronavírus. O 19ª caso confirmado em Pernambuco é de uma mulher de 63 anos, do Recife, que não tem histórico de viagem para área de transmissão sustentada da doença nem contato com paciente suspeito ou positivo. Com isso, o Estado confirma a primeira ocorrência de transmissão comunitária, quando não é identificada a origem da contaminação.

“Nas análises sobre o nosso último caso confirmado, não se conseguiu achar o vínculo epidemiológico para a infecção. A mulher informou não ter viajado para fora do país e não conhecer nenhum contato próximo que esteja suspeito ou confirmado para a covid-19. O Cievs Pernambuco e as vigilâncias municipais têm trabalhado arduamente nas notificações e investigações dos casos suspeitos para o novo coronavírus em Pernambuco. Identificar a transmissão comunitária denota o esforço e a maturidade da nossa vigilância, que conseguiu fazer essa identificação brevemente, ajudando a autoridade sanitária na tomada de decisões”, pontua Longo.

Com a identificação da transmissão comunitária, Pernambuco entra na fase de mitigação, buscando, a partir desta quarta-feira (18.03), notificar e identificar a ocorrência da enfermidade nos casos internados, assim como já é realizado para a influenza nos pacientes com síndrome respiratória aguda grave (Srag). “Ou seja, passaremos a notificar apenas os casos graves, que são aqueles que apresentam falta de ar, dificuldade para respirar, dor no peito e febre que se prolongue por mais de 72 horas, mesmo com o uso de antitérmicos“, diz o secretário. O gestor ainda lembra que recém-nascidos, gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto), idosos e pessoas com doenças crônicas, devem procurar uma unidade de saúde para receber a devida assistência.

Seguindo orientação do Ministério da Saúde (MS), também a partir desta quarta (18.03), Pernambuco unifica a conduta para as síndromes gripais no Estado, ou seja, não serão testados todos os casos leves – nem os assintomáticos. Nessas situações, haverá a coleta por amostragem nas unidades sentinelas pernambucanas, como já ocorre para a vigilância da influenza. “Precisamos entender que 80 a 85% dos casos da covid-19 vão se comportar como um quadro gripal leve, cujos cuidados que devem ser seguidos passam por manter o isolamento social, manter uma boa hidratação e alimentação e seguir as medidas de etiqueta respiratória para evitar a contaminação dos familiares e contatos domiciliares”, ressalta André Longo.

“Vamos deixar as unidades de saúde, de pronto atendimento, públicas e privadas, para aqueles que merecem uma maior atenção do sistema de saúde. Isso evita o colapso da nossa rede e que se falta os testes para quem realmente precisa”, ratifica.

RECURSOS - Entre as medidas anunciadas pelo Ministério da Saúde (MS) para o combate ao novo coronavírus no País, está a liberação de R$ 425 milhões para os estados brasileiros. Deste montante, cerca de R$ 19,3 milhões serão destinados para Pernambuco. A liberação dos recursos foi divulgada na edição do Diário Oficial da União dessa segunda-feira (16). "Nossos recursos serão utilizados nas ações estabelecidas no plano de contingência, seja estadual ou municipais. As iniciativas a serem deflagradas serão definidas em reuniões com os municípios pernambucanos. O Ministério da Saúde também anunciou a liberação de 540 kits completos


para montagem de leitos de UTI para casos graves de coronavírus, o que deve indicar a implementação de cerca de 90 leitos em Pernambuco", pontua o secretário André Longo.

CRUZEIRO - O Governo de Pernambuco continua em articulação com o Ministério da Saúde, a Marinha e os representantes das embaixadas para definir a situação dos passageiros e tripulantes do navio Silver Shadow, que está atracado no Porto do Recife e teve 2 casos confirmados para a Covid-19. A gestão estadual, em conjunto com os demais órgãos envolvidos, busca uma maneira segura de providenciar o retorno de todos os passageiros e tripulantes do cruzeiro aos seus países de origem para os próximos dias.

DECRETO - Durante a coletiva desta terça-feira (17.03), o Governo de Pernambuco anunciou mais um decreto assinado pelo Governador Paulo Câmara com novas medidas preventivas e restritivas em diversos setores com o intuito de evitar a propagação da Covid-19 no Estado. Agora, estão suspensos, em todo o território pernambucano, eventos com mais de 50 pessoas. O Governo do Estado também determinou o fechamento de centros de artesanatos, museus e demais equipamentos culturais do Estado, assim como a interrupção das atividades em cinemas e academias de ginástica. Voos e decolagens no aeroporto do arquipélago de Fernando de Noronha serão suspensos partir do próximo sábado (21.03). Passageiros e tripulantes de voos vindos do exterior deverão cumprir, obrigatoriamente, isolamento domiciliar ao desembarcarem no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre.

Como já divulgado, as aulas da rede de ensino pública e privada pernambucana (escolas, escolas técnicas e universidades) serão suspensas a partir desta quarta-feira (18.03). Além disso, já foi acertado, juntamente com as concessionárias e permissionárias de ônibus, que haverá a higienização dos coletivos após todas as viagens realizadas, triplicando o número de limpezas feitas atualmente. As estações e terminais também serão higienizados frequentemente. Ainda será ampliada a campanha de prevenção e conscientização contra o novo coronavírus junto aos usuários do transporte público.

COVID-19 - NOVO CORONAVÍRUS


TABELA 1 - CASOS DE COVID-19 EM PERNAMBUCO POR CLASSIFICAÇÃO

CASOS DE COVID-19 EM PERNAMBUCO POR CLASSIFICAÇÃO
INVESTIGADOS
250
PROVÁVEIS
3
DESCARTADOS
85
CONFIRMADOS
19
TOTAL
357

TABELA 2 - CASOS DE COVID-19 EM PERNAMBUCO POR MUNICÍPIO E CLASSIFICAÇÃO

CASOS DE COVID-19 EM PERNAMBUCO POR MUNICÍPIO E CLASSIFICAÇÃO
RESIDÊNCIA
INVESTIGADOS
PROVÁVEIS
CONFIRMADOS
DESCARTADOS
TOTAL
Abreu e Lima
2
0
0
0
2
Barreiros
1
0
0
1
2
Belo Jardim
0
0
1
0
1
Bezerros
1
0
0
0
1
Cabo de Santo
Agostinho
1
0
0
0
1
Camaragibe
1
0
0
0
1
Caruaru
19
0
0
3
22
Feira Nova
2
0
0
0
2
Goiana
2
0
0
0
2


Gravatá
1
0
0
0
1
Igarassu
1
0
0
0
1
Ipojuca
2
0
0
0
2
Jaboatão dos
Guararapes
20
0
1
10
31
Jatobá
1
0
0
0
1
Jurema
1
0
0
0
1
Olinda
18
0
0
3
21
Ouricuri
1
0
0
0
1
Palmares
2
0
0
0
2
Passira
1
0
0
1
2
Paudalho
3
0
0
0
3
Paulista
9
2
0
3
14
Petrolina
7
0
0
0
7
Recife
146
1
14
56
217
Santa Cruz do
Capibaribe
2
0
0
0
2
São Lourenço da
Mata
1
0
0
0
1
Taquaritinga do Norte
1
0
0
0
1
Toritama
1
0
0
0
1
Vitória de Santo
Antão
0
0
0
1
1
Outro estado
2
0
0
0
2
Outros países
1
0
3
7
11
TOTAL
250
3
19
85
357

TABELA 3 - CASOS NOTIFICADOS DE COVID-19 EM PERNAMBUCO POR SEXO

CASOS NOTIFICADOS DE COVID-19 EM PERNAMBUCO POR SEXO
SEXO
CASOS NOTIFICADOS
FEMININO
223
MASCULINO
134
TOTAL
357

TABELA 4 - CASOS NOTIFICADOS DE COVID-19 EM PERNAMBUCO POR FAIXA ETÁRIA

CASOS NOTIFICADOS DE COVID-19 EM PERNAMBUCO POR FAIXA ETÁRIA
IDADE
CASOS NOTIFICADOS
00 a 09 anos
21
10 a 19 anos
20
20 a 29 anos
84
30 a 39 anos
105
40 a 49 anos
65
50 a 59 anos
30
60 a 69 anos
22
70 a 79 anos
8
80 e mais
2
TOTAL
357

TABELA 5 - PERFIL DOS CASOS CONFIRMADOS DE COVID-19 EM PERNAMBUCO

PERFIL DOS CASOS CONFIRMADOS DE COVID-19 EM PERNAMBUCO*
SEXO
IDADE
MUNICÍPIO
HISTÓRICO DE VIAGEM
CONTATO
MASCULINO
71
Recife
Itália
X
FEMININO
66
Recife
Itália
X




Texto e Fonte: Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco.

Leia também: